O USO DA JORNADA DO USUÁRIO NA ENGENHARIA DE SEGURANÇA DO TRABALHO

Autores

  • Írys Petronila do Santos Silva Instituto Federal de Alagoas - Campus Palmeira dos Índios
  • Rejane da Silva Ferro Instituto Federal de Alagoas - Campus Palmeira dos Índios

Palavras-chave:

Design Thinking; Mapa da Jornada do Usuário; Equipamento de Proteção Individual – EPI; Setor elétrico.

Resumo

Pretende-se neste artigo abordar as dificuldades encontradas na sensibilização do uso do Equipamento de Proteção Individual (EPI), utilizando a abordagem do Design Thinking. Empregou-se o método de investigação, survey, com a finalidade de analisar os valores do nível de concordância dos trabalhadores. Através do estudo de caso, partiu-se de uma revisão bibliográfica composta por materiais aplicados na área investigada. Apesar de os níveis de concordância ter sido positivos, este resultado pode está diretamente ligado ao porte da empresa e consequentemente, a obrigatoriedade imposta pela mesma. Além disso, o mapa da jornada do usuário construído a partir destes resultados mostra a importância da informação sobre o uso do EPI, podendo-se concluir que, entender o trabalhador é o primeiro passo para a minimização do problema.

Downloads

Publicado

2019-11-08

Como Citar

Silva, Írys P. do S., & Ferro, R. da S. (2019). O USO DA JORNADA DO USUÁRIO NA ENGENHARIA DE SEGURANÇA DO TRABALHO. Congresso Internacional De Conhecimento E Inovação – Ciki, 1(1). Recuperado de https://proceeding.ciki.ufsc.br/index.php/ciki/article/view/730