DIAGNÓSTICO SOBRE O DOMÍNIO DE FERRAMENTAS ÁGEIS EM STARTUPS DE ENGENHARIA DE INCUBADORA TECNOLÓGICA

Autores

  • Andre Augusto Bitencourt UFRGS
  • Ângela de Moura Ferreira Danilevicz
  • Vitória Abreu Flores da Cunha

Palavras-chave:

Lean Startup; Design Thinking; Startups; Inovação; Ferramentas Ágeis.

Resumo

Este trabalho analisou o conhecimento das metodologias de desenvolvimento Lean Startup e Design Thinking por parte de líderes de Startups. Foi realizado um estudo de múltiplos casos na Incubadora Tecnológica Hestia, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). O estudo foi dividido em duas etapas. A primeira etapa consistiu na seleção de Startups e na realização de um diagnóstico, por meio de entrevista presencial, seguindo um roteiro de perguntas. Na segunda etapa, foi realizada a consolidação do diagnóstico. Dessa maneira, foi verificada a familiaridade com ferramentas ágeis e analisada as principais dificuldades para suas implementações. Entre os principais resultados, destaca-se que há conhecimento de ferramentas de desenvolvimento por parte de todas as Startups entrevistadas. Por fim, são apresentadas as principais dificuldades enfrentadas pelos empreendedores.

Downloads

Publicado

2019-11-07

Como Citar

Bitencourt, A. A., Ferreira Danilevicz, Ângela de M., & Abreu Flores da Cunha, V. (2019). DIAGNÓSTICO SOBRE O DOMÍNIO DE FERRAMENTAS ÁGEIS EM STARTUPS DE ENGENHARIA DE INCUBADORA TECNOLÓGICA. Congresso Internacional De Conhecimento E Inovação – Ciki, 1(1). Recuperado de https://proceeding.ciki.ufsc.br/index.php/ciki/article/view/754