LIDERANDO EQUIPES À DISTÂNCIA UMA CONTEXTUALIZAÇÃO NECESSÁRIA SOBRE LIDERANÇA REMOTA E EQUIPES VIRTUAIS

Autores

  • Ricardo Pereira Universidade Federal de Santa Catarina
  • Cristiano José Castro de Almeida Cunha Universidade Federal de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.48090/ciki.v1i1.873

Palavras-chave:

Liderança remota, equipes virtuais, liderança virtual, e-liderança

Resumo

A crise causada pelo coronavirus acentuou uma tendência que já vinha ocorrendo há alguns anos: a adoção do trabalho remoto. Nos últimos meses, muitas empresas aderiram a este novo modelo que usa as tecnologias da informação e comunicação como meio para conectar líderes e liderados nas equipes virtuais. O objetivo deste artigo é identificar os desafios dos líderes e os estilos de liderança mais adequados para manter o bom desempenho de uma equipe virtual. A pesquisa foi realizada utilizando-se o método da revisão integrativa da literatura e foram analisados artigos coletados nas bases de dados Scopus e Web of Science. O estudo revelou que os principais desafios dos líderes de equipes virtuais estão relacionados com: comunicação, cooperação, estabelecimento de normas de trabalho e acompanhamento do trabalho da equipe. Além disso, a literatura não aponta um estilo ideal de liderança, mas sugere que os lideres transformacionais têm maior probabilidade de sucesso nas equipes virtuais.

Downloads

Publicado

2020-11-18

Como Citar

Pereira, R., & Cunha, C. J. C. de A. (2020). LIDERANDO EQUIPES À DISTÂNCIA UMA CONTEXTUALIZAÇÃO NECESSÁRIA SOBRE LIDERANÇA REMOTA E EQUIPES VIRTUAIS. Anais Do Congresso Internacional De Conhecimento E Inovação – Ciki, 1(1). https://doi.org/10.48090/ciki.v1i1.873

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)