O DESEMPENHO DE PILOTOS FRENTE A SITUAÇÕES ANORMAIS EM VOO : O STARTLE EFFECT E A RESILIÊNCIA

Autores

  • Rommel Barreto Tinoco PUCRS
  • Lucas Bertelli Fogaça PUCRS

Palavras-chave:

Acidentes Aeronáuticos, Treinamento de Pilotos, Emergências em Voo, Startle Effect, Resiliência

Resumo

O trabalho visa analisar as causas e consequências do Startle Effect na performance de pilotos durante situações anormais, compreendendo como o efeito se manifesta em determinados eventos em acidentes aéreos. Após, será abordada resiliência humana frente ao desenvolvimento de atividades e tomadas de decisão. Para correlacionar os dois temas, quatro estudos de caso serão revisitados visando compreender ações que foram tomadas pelos pilotos e o porquê de as medidas terem feito sentido para eles naquela situação. Os acidentes serão individualmente analisados, onde observar-se-á a presença de startle junto dos pilares de resiliência. Ao final, questionamentos serão levantados a respeito da eficiência dos treinamentos frente às emergências ocorridas na vida real e como a indústria poderá direcionar seu foco para melhoria contínua nos seus níveis de segurança.

Downloads

Publicado

2019-11-07

Como Citar

Tinoco, R. B., & Fogaça, L. B. (2019). O DESEMPENHO DE PILOTOS FRENTE A SITUAÇÕES ANORMAIS EM VOO : O STARTLE EFFECT E A RESILIÊNCIA. Congresso Internacional De Conhecimento E Inovação – Ciki, 1(1). Recuperado de https://proceeding.ciki.ufsc.br/index.php/ciki/article/view/756